Deserto

Eu não tenho uma bússola
E eu não tenho um escudo
Eu caminho pela areia descalça
E queimo os meus pés nos dias mais quentes

E eu costumava ficar atrás das cercas
Porque as armadilhas são reais
E elas podem rasgar mais do que eu posso concertar

Mas eu sinto dizer
Eu tenho mais medo de você
E eu não te odeio o suficiente
Pra no fundo nutrir um pouco de amor por você

Embora eu não seja mais cintilante
Como a eu do passado que olhava para o céu e sonhava voar
Eu tenho orgulho do meu caminho

E eu te deixo pra trás
Como o deserto que me prendeu por anos
Mas agora não me prenderá mais

Seaside Story

Last time
I came to your pier
At the ending of the storm
The sky was calm
We just lay in the in the boat
Watched the sunset
And sung a song of harmony

From last time
I came to you
How could have I
Foreseen
Your boat would crash
And you would drown
While I was trying to keep alive
In dry land

Calor

Como todo amor que aqui passa
E cada pessoa que aqui chega
Você diz se enamorar da minha alma
Até do meu calor dizer que chega

Porque o azul pode ser tão solitário
E segurar a mão de alguém pode acalmá-lo
Mas a temperatura não é sempre estável
E o calor vira o seu maior obstáculo

Pois no início é muito confortável
Que eu te abrace como meu mundo inteiro
Mas te sufoca um amor interminável
E o azul nunca combinou com apego

Casa

O relógio na parede está parado
As vigas que as sustentam estão a ponto de ruir
Todos os copos estão no chão, quebrados
E os canos estouraram deidando a água toda a cair

Os quadros nas paredes estão tortos
Os lençóis nas camas estão rasgados
As rosas e os cactos estão mortos
E os espelhos estão todos embaçados

Não há mais tapete de boas vindas na porta
Que está trancada
Pois depois que você foi embora
Não quero mais chegadas
Na casa do meu coração

Rotina

Eu estou acostumada
A jogar meus sonhos no lixo
A rejeitar qualquer chamada
A desmarcar os compromissos

Eu respiro ansiedade
E espiro exaustão
Eu acordo pra conquistar a cidade
E termino caída no chão

Em tudo que vou fazer acabo
Procurando por alguma porta
Me preparando pro possível estrago
Pra chorar e fugir e querer ir embora